quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Como Utilizar as Ervas Aromáticas

Diversos

Sugestões de Utilização;

Alecrim-Utilzado especialmente em grelhados de porco,vitela ou cordeiro.Confere um toque muito especial ao guisado de coelho ou borrego.

Alho-Indispensavel nos pratos condimentados,moído ou cortado,o Alho fica bem em todos os cozinhados.

Cebola-A tradicional base dos refogados e de centenas de pratos.Prática e sempre á mão!!!

Coentros-Um do mais típicos temperos Portugueses,utilizado com a carne,sopas,açordas,moluscos e saladas.

Estragão-Particularmente utilizado nos regimes sem sal.

Gengibre-Essencial na cozinha Oriental,em picles,vegetais,caril,arroz,doces e biscoitos.

Glutaimoto-Particularmente utilizado na cozinha Chinesa,realça o sabor de todos os alimentos,podendo ser utilizado na cozedura directamente á mesa.

Louro-Em caldos de peixe,marinadas,conservas,bifes,grelhados ou molhos.O Louro é um dos temperos mais apreciados!!!Poderá também usar uma folha de Louro para aromatizar os pudins.

Mangericão-Utilizado nas saladas,molhos de tomate,omeletas,sopas quentes ou frias,molhos de esparguete.O Mangericão é um condimento Mediterrânico particularmente apreciado em Italia.

Mangerona-Acompanha perfeitamente guisados com tomate,pizzas,sopas,molhos de esparguete,carne picada.Esfregar bem a carne para assar.

Oregãos-Utilizado para temperar carne assada,caracois,pizzas e outras especialidades Italianas.Fica uma delicia com queijo Mozzarella!!!

Salsa-Grande afinidade com o Alho,é essencialmente utilizado nos pratos Mediterrânicos,como azeitonas,anchovas,queijo de cabra,alcaparras,sopas,batatas e bacalhau fresco.

Segurelha-Utilizada com feijões secos ou frescos,lentilhas ou misturar num molho branco para pratos de feijão.

Tomilho-Utilizado em todo o tipo de pratos de cozedura prolongada com vinho tinto,coelho,vitela ou frango.

Como Utilizar as Especiarias

Diversos


Sugestões de Utilização;

Açafrão das Indias-O Açafrão é o condimento nobre da Paella á Valenciana.Acompanha também sopas de peixe,marisco e pratos exóticos.

Bicabornato de Sodio-Tome os legumes mais verdes,juntando uma colher de chá de Bicabornato á água de cozedura.

Canela-Em bolos,leite creme ou arroz doce,a Canela é a melhor acompanhante do açúcar.

Caril-O condimento que dá o nome aos pratos de Caril de frango ou de gambas,é também utilizado no tempero de carnes e arroz ou em especialidades da cozinha Oriental.

Cominho-Muito utilizado em caril,guisados de cordeiro ou legumes.

Cravinho-Apesar de ser especialmente utilizado em pratos de cozedura lenta,estufados ou marinados,o Cravinho pode também ser utilizado na confeção de biscoitos,,bolos e pães.

Erva Doce-Aconselhada em pratos de peixe,moluscos,doces,bolos,biscoitos,licores e na cozedura das castanhas.

Pimenta-Aconselhada para grelhados,guisados,mariscos,moluscos,caracóis,carnes e peixes.

Mostarda-Muito utilizada na concepção de enchidos,saladas,assados de porco,hambúrgueres e cahorros.

Noz Moscada-é usada em enchidos,patês,conservas de carne,puré de batata,espinafres,gratinados,bem como pratos doces como o pudim Flan e o Arroz Doce.

Paprika-Tipo de pimentão conhecido pela sua cor,indicado para arroz,guisados,molhos e marinadas.

Piri-Piri-Um dos mais conhecidos condimentos picantes,é utilizado na cozinha Exotica e de pratos apimentados em geral.

Bolo de Açúcar Amarelo e Canela

Bolos

Ingredientes;

Bolo;

4 ovos
130g de açúcar amarelo
170g de farinha
1 colher de chá de fermento
1 colher de chá de canela
2 colheres de sopa de manteiga

Xarope;

70 ml de água
1 + 1/2 colher de sopa de açúcar branco
2 colheres de sopa de whisky (ou rum)

Cobertura;

200 ml de natas
1 colher de café de canela
2 colheres de sopa bem cheias de leite condensando cozido
3 folhas de gelatina incolor
2 colheres de sopa de água quente

Decoração;
4 bombons Ferrero Rochet (ou pode utilizar qualquer bombom do tipo)

Preparação;

Bolo;

Pré-Aquecer o forno a 200°C. Forrar apenas o fundo de uma forma redonda (de 20 cm), com o papel vegetal. Não é necessário untar a forma.
Derreter a manteiga e deixar arrefecer até ficar á temperatura ambiente.
Num recipiente que resistente ao calor, bater os ovos ligeiramente e gradualmente juntar o açúcar. Colocar este recipiente, por cima de outro que contenha água quente, misturar bem até o açúcar ficar completamente dissolvido e a mistura dos ovos aqueça á temperatura do corpo. Remover do calor e bater com a batedeira durante + ou - 4 minutos (a mistura dos ovos deve ficar espessa e firme).
Peneirar a farinha, o fermento e a canela. Em 2 adições, envolver suavemente a farinha na massa (não bater, nem misturar em demasia, apenas enquanto houver farinha visível). Adicionar a manteiga derretida á massa e envolver com cuidado.
Colocar a massa na forma anteriormente preparada e levar ao forno. Pode ser necessário durante a cozedura colocar uma folha de papel de alumínio sobre o bolo.
Quando o bolo estiver cozido (teste do palito no centro do bolo), retirar do forno e deixar arrefecer completamente antes de desenformar. Com a ajuda de uma faca, soltar a parte lateral do bolo e desenformar. Cuidadosamente retirar o papel vegetal e cortar o bolo em 2 camadas. Reservar.

Xarope;

Juntar todos os ingredientes e levar ao lume até ferver e o açúcar ficar completamente dissolvido. Deixar arrefecer antes de utilizar.

Cobertura;

Colocar as folhas de gelatina de molho em água fria.
Bater as natas com uma batedeira. Quando estas começarem a espessar, juntar o leite condensado e a canela. Continuar a bater até as natas ficarem bem firmes.
Escorrer as folhas de gelatina e dissolve-las em 2 colheres de sopa de água quente. Deixar arrefecer um pouco antes de adicionar á mistura das natas. Se as natas batidas, ficaram demasiado liquidas, levar uns minutos ao frigorífico até prender (mas sem deixar solidificar completamente).
Colocar uma camada do bolo, no prato de servir e com um pincel de culinária humedecer o bolo com metade do xarope preparado. Colocar 1/3 das natas sobre a camada do bolo e cobrir com a outra camada do bolo. Regar com o restante xarope e cobrir o bolo com as restantes natas.
Levar ao frigorifico pelo menos 3 horas antes de servir.

Decoração;

Cortar os bombons em 2 partes e dispor por cima do bolo. Em alternativa, pode decorar com raspas de chocolate.
Para conseguir bater as natas bem firmes, colocar 20 a 30 minutos no congelador antes de as utilizar.

Salame de Chocolate

Bolos


Quem não gosta de Salame de Chocolate???E é tão fácil de prepará-lo na sua própria casa...E os garotos adoram fazê-la!!!
Esta é uma da muitas receitas que existem.

Ingredientes;

Uma barra de chocolate de 200 gramas
200 gramas de manteiga
8 colheres de açúcar
200 gr de biscoitos doce esmagados
200 gr de nozes e amêndoas

Preparação;

Em primeiro lugar você começa a derreter o chocolate em banho-maria com um pouco de água. Enquanto isso, bata a manteiga com o açúcar até ficar com uma consistência cremosa.
Enquanto isso, esmague ou triture os biscoitos e as nozes e amêndoas. Adicione-os à manteiga, e ao chocolate quente. Uma vez bem misturado, coloque a mistura num papel antiaderente. Leve-o ao frigorifico por pelo menos 12 horas.
Quando estiver pronto, você pode decorar como você desejar ou apenas assim,simplesmente.

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Banana Daiquiri

Drinks

Ingredientes;

3/10 de Licor de Banana
6/10 Rum branco
1/10 Sumo de Limão
1/2 Banana
Açúcar
Gelo

Preparação;

Colocar no copo da liquidificadora o Licor de Banana,o Rum,o sumo de limão,o gelo,a 1/2 banana e colocar o botão a toda velocidade.
Finalmente,sirva num copo Globo e disfrute do sabor!!!

Bolo de Manga

Bolos

Ingredientes;

Para o Bolo;

3 ovos
70g de açúcar
85g de farinha
1 colher de chá de fermento
1 pitadinha de sal
100 ml de Compal Light Manga-Laranja

Cobertura;
½ pacote de gelatina de manga
100 ml de água quente
130 g de manga madura
200 ml de gelado de baunilha
1 colher de sopa de açúcar de confeiteiro
100 ml de natas

Preparação;

Pré-aquecer o forno a 190º. Untar uma forma redonda ,com manteiga e polvilhar com farinha.
Bater os ovos e o açúcar, com a batedeira na velocidade máxima durante 2 minutos. Juntar a farinha, o fermento (previamente peneirados) e o sal, usando a batedeira na velocidade mais baixa, até obter uma massa fofa.
Transferir a massa para a forma e levar ao forno até estar cozido (teste do palito). Retirar do forno, deixar arrefecer 5 minutos antes de desenformar.
Dissolver a gelatina na água quente e deixar arrefecer um pouco. Colocar a mistura da gelatina e os restantes ingredientes da cobertura no batedor, até obter uma mistura homogénea. Levar esta mistura ao frigorífico por alguns minutos, até começar a solidificar (não deixe solidificar totalmente).
No prato de servir (convém que seja totalmente raso), colocar um aro de semifrio. Colocar o bolo dentro do aro e regar com o sumo. Espalhar a cobertura sobre o bolo e levar novamente ao frigorífico até solidificar totalmente.
Na altura de servir, retirar o aro e decorar o bolo com fatias de manga fresca.

As Aromáticas

Dicas

Para Que Servem;

Açafrão-Pistilo muito usado na culinária mediterranica;paellas, risotos italianos, carne de carneiro, bucho madrileno e sopas de peixe, como a boillabaisse. São nescessarias 200 mil flores ou 6 mil pistilos, para se obter um quilo desse tempero.

Alecrim-Originária do Mediterraneo, esta erva doce e perfumada - rosmarinus - significa “orvalho do mar”. É especialmente utilizada no preparo de vitelas e carneiros, sopas, assados, marinados, peixes e frutos do mar. Experimente também em batata cozida, couve-flor, espinafre, cogumelos, frutas, sucos e pães.

Coentro-As suas folhas frescas são parecidas com a salsa, mas seu odor é inconfundivel. Insdispensável em pratos de peixe, camarão e galinha de muitas regiões de Portugal. Também pode ser encontrado em grãos ou em pó, mas, embora venham da mesma planta, tem outro sabor.

Gengibre-Raiz de sabor e cheiro muito fortes, é usado em picles, caldas, bebidas, marinadas, frutas assadas, molho teriyaki, conservas, chás e cervejas de gengibre. Vai bem também em biscoitos, pudins e vinho quente.

Louro-Folhas aromáticas que podem ser utilizadas frescas ou secas. Indispensável na cozinha, parece ir bem com quase tudo; feijão, carne, peixe, doces, molhos e vinha-d´alhos. Na culinária francesa, faz parte do bouquet garni, junto com a salsa e o tomilho.

Manjericão-Um dos aromas mais importantes da culinária. Pode ser usado na maioria das receitas que levam tomates, como recheios, molhos, carnes, peixes, pães, pizzas e saladas.

Noz-moscada-Realça o sabor das carnes e legumes. Moida ou ralada na hora, pode ser salpicada em molhos e bebidas preparadas com leite, em frutas, sopas e pudins. Use também em bolos, bolachas, donuts, tortas,waffles e bolinhos.

Oregãos-“A quinta essência da pizza” também enrriquece diversos pratos e molhos preparados à base de tomate. Utilize no feijão-branco, nas azeitonas pretas e nos queijos, para aperetivo com azeite e pimenta calabresa.

Pimenta-do-reino-Nativa da India, é a especiaria mais popular do Mundo(trazida pelos Portugueses) e uma das primeiras introduzidas na Europa. No uso culinário, a quem aconselhe o tipo escuro para as carnes escuras e a pimenta-do-reino branca, de sabor mais suave, para as carnes brancas, como galinha, peixes, maionese e hors-d´oeuvre.

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Receita de Bolo 3 Camadas

Bolos

Ingredientes;

1 bolo pronto sabor chocolate
1 bolo pronto sabor baunilha (ou laranja)
100 ml de licor de laranja

Ganache ao leite;

200 g de chocolate ao leite
50 ml de coalhada

Ganache branco;

200 g de chocolate branco
50 ml de coalhada

Ganache meio amargo;

200 g de chocolate meio amargo
100 ml de coalhada

Preparação;

Prepare as massas conforme a instrução do fabricante, asse e corte 6 fatias finas, no sentido do comprimento, de 1 bolo pronto sabor chocolate e de 1 bolo pronto sabor baunilha (ou laranja). Reserve as fatias.

Ganache ao leite;

Derreta em banho maria, 200 g de chocolate ao leite e junte 50 ml de coalhada. Reserve.

Ganache branco;

Derreta em banho-maria, 200 g de chocolate branco e junte 50 ml de coalhada. Reserve.

Ganache meio amargo;

Derreta em banho maria, 200 g de chocolate meio amargo e junte 100 ml de coalhada. Reserve.

Montagem do bolo;

Coloque uma fatia de bolo de chocolate dentro da própria embalagem do bolo e regue com um pouco de licor de laranja.
Espalhe um pouco de ganache branco e coloque uma fatia do bolo de baunilha.
Regue com um pouco de licor de laranja e espalhe um pouco do ganache ao leite e assim sucessivamente, vá alternando até finalizar com uma fatia de bolo.
Deixe o bolo na geladeira para firmar por +/- 40 minutos.
Retire o bolo da forma de aro removível e espalhe em volta o ganache meio amargo. Decore chocolate derretido e sirva.

Sorvete de Pudim de Laranja

Gelados

Ingredientes para a calda de caramelo;

2 chávenas (chá) de açúcar
1 chávenas (chá) de água

Ingredientes para a calda de chocolate;

1/2 chávena (chá) de água
3 colheres (sopa) de chocolate em pó
1 colher (sopa) de manteiga sem sal

Ingredientes para o pudim;

1 lata de leite condensado
A mesma medida (da lata) de sumo de laranja
4 ovos
4 colheres (sopa) de açúcar
1 lata de creme de leite

Preparação do Caramelo;

Numa panela, dissolva o açúcar na água e leve ao fogo baixo, deixando ferver sem mexer até obter uma calda cor de caramelo claro.
Espalhe essa calda no interior de uma forma para pudim de 20 cm de diâmetro.
Misture numa panela os ingredientes da calda de chocolate, leve ao fogo e deixe ferver até obter ponto de calda.
Deixe esfriar, distribua sobre o caramelo e reserve.

Preparação do Pudim;

Leve ao fogo para ferver o leite condensado, o suco e as gemas, retire e deixe esfriar.
Bata as claras em neve, junte o açúcar e bata até obter um suspiro, acrescente o creme de leite e bata mais um pouco.
Adicione o pudim a esse suspiro e mexa bem.
Coloque na forma sobre a calda de chocolate, feche com filme plástico e leve ao freezer por 8 horas.
Para desenformar, aqueça um pouco a fôrma no fogão até descolar e vire no prato de servir.

Nota;
Se desejar pode mudar o sumo da outra fruta qualquer;maracujá, abacaxi,uva,etc...

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Bolo de Chocolate e Cenoura

Bolos

Ingredientes;

250g de farinha
40g de cacau
250g de cenouras
50g de açucar mascavado
150g de açucar branco
1c. de café de fermento
1 c.de café de bicabornato
1 c.de canela,gengibree cravinho(Misturados)
10dl de óleo
50g de amêndoa picada
5 ovos
Sumo de laranja
Pepitas de chocolate
Uma pitada de sal

Preparação;

Numa tigela,misture a farinha,o açúcar mascavado,o cacau,a amêndoa,o fermento,o bicabornato,o sal e as especiarias.
Triture a cenoura,finamente.
Numa batedeira bata os ovos misturados com o açúcar branco até crescerem para o dobro do volume inicial.
Envolvendo suavemente,adicione o óleo e o sumo de laranja.Depois junte esta mistura com a massa de farinha.Acrescente a cenoura e as pepitas de chocolate.
Oleie uma forma para bolos e leve ao forno pré-aquecido a 180ºC e deixe ficar durante 30 a 40 m.
Se gosta de bolos”gulosos”pode recheá-lo com doce de cenoura e fazer uma cobertura de chocolate.

Baba de Camelo

Doces

Esta Sobremesa é tão fácil e rápida de fazer,que qualquer criança pode aprender...!!!

Ingredientes;

1 lata de Leite Condensado
6 ovos

Preparação;

Coze-se a lata de leite condensado,em banho maria,numa panela(2 horas) ou na panela de pressão(45m).Convèm abrir um pouquinho a lata,para não haver o problema de explodir.
Depois de arrefecer completamente, o que demora algum tempo, misture num recipiente o leite condensado com as gemas. Bata as claras bastante bem, em castelo, e misture-as com o restante preparado, envolvendo-as. Vai ao frigorífico.

PS;
Quem gostar pode embelezar com amêndoas raladas,nozes ou bolachas.

Dicas Sobre os Vinhos

Drinks

A temperatura do vinho depende do gosto de cada um. Lembre-se, contudo, de algumas dicas;

-Os brancos quando não resfriados tendem a realçar a acidez; mas se excessivamente gelados, podem impedir a percepção do sabor.

-Nunca adicione pedras de gelo ao vinho, nem coloque a garrafa no congelador, pois o resfriado bruto aniquila com a qualidade e o sabor da bebida. O ideal é usar baldes com pedaços de gelo, água gelada e sal grosso.

-Quando a temperatura no verão ultrapassa facilmente 35ºC, os tintos devem ser resfriados na parte inferior da geladeira, na porta, ou ainda num balde com água gelada por meia hora.

-A escolha do copo também é importante. O tipo adequado permite enfatizar todas as virtudes do vinho. Os mais indicados são os cálices, que têm uma haste com o pé. Além de elegantes, podem ser segurados sem que se aqueça o vinho. Os ideais são de cristal ou vidro, de paredes finas, inteiramente lisos (os lapidados não permitem que a cor seja plenamente apreciada). No caso do champanhe, o ideal é o copo tipo "flute", ou flauta, e não a taça tradicional, boca larga, que faz com que a bebida perca as bolhas de gás rapidamente. Por ter a borda mais estreita, a "flute" permite uma melhor concentração e percepção de aromas.

-Antes de escolher as bebidas que acompanharão seu almoço e jantar festivos, saiba que os rótulos dos vinhos, nacionais e estrangeiros, contêm preciosas informações. Além do nome do fabricante, ano de fabricação, produtor, engarrafador, traz ainda a variedade de uva que deu origem àquele vinho. Se é Cabernet, por exemplo, uma variedade tinta, da região francesa de Bordeaux; se Pinot Blanc, vem da Borgonha. Outro ponto que deve ser notado é o teor alcoólico. Os vinhos normalmente variam de 7,5 a 15 graus (o normal é 12, ou seja, 12 g de álcool por litro). Mais de 17 graus é liquidar com a bebida, pois o álcool matará os microorganismos que a produzem, a partir do açúcar.




Food,Orange

A Combinação Perfeita

Vinhos Brancos
Variedade,Características e Combinação;

Riesling (itálica) Cor clara, pouco perfume no aroma, sabor seco mas agradável. É a variedade que mais aparece nos rótulos brasileiros. Frios, ovos, peixes defumados e grelhados, carnes brancas em geral.

Semillon Cor ligeiramente amarelada, pouco aromática, sabor mais encorpado, seco.Na frança entra na composição do famoso Sauternes, adocicado. Frutos-do-mar, queijos de massa mole . Sobremesas, excepto as de chocolate, e patês à base de fígado

Sauvignon Blanc Cor leve, pálida, aroma mais intenso, lembrando frutas e ervas, sabor refrescante. Peixes grelhados, frutos-do-mar, carnes brancas, massas leves.

Chardonnay Cor que vai do amarelo pálido ao amarelo vivo. Aroma frutado quando jovem e lembra amêndoas quando envelhecido. Sabor intenso. Moluscos, queijos de massa leve, tortas secas (nozes, amêndoas).

Gewurztraminer Cor clara, aroma e sabor bem típicos, perfumados, elegantes, recordando especiarias.Fígado de pato, frango ou pato com molho adocicado ou de especiarias e massas de molho branco (leves).

Treviano
(Saint Emillon ou Ugni Blanc) Cor clara, aroma fraco, sabor de pouca personalidade (e um pouco amargo). Frios, porco, carnes brancas e grelhadas.

Food,Orange

Vinhos Tintos

Cabernet Franc,cor viva, brilhante, com aroma de framboesa, sabor de ervas.Queijos meia-cura (minas meia-cura, camembert, brie, gouda e ementhal), massas leves de molho à base de tomate; carnes de boi em molho não muito pesado.

Cabernet Sauvignon,Cor densa, com aromas diversos, sobressaindo-se os de amora e violeta. Sabor intenso quando jovem, mas com muita acidez e tanino. Envelhecido, torna-se fino e agradável. Bom para guardar. Carnes (bovina e caprina), aves nobres, queijos de massa dura como parmesão, de cabra e minas curado.

Merlot,Cor escura, encorpada, com aroma rústico, lembrando especiarias. Sabor ao mesmo tempo seco e intenso. Envelhece bem. Massas, carnes escuras (caças), queijos picantes (boursin, roquefort, gorgonzola) e cozidos em geral.

Gamay,É a uva dos famosos vinhos Beaujolais. Cor clara, quase transparente, de aroma frutado, sabor refrescante. Deve ser bebido jovem, ligeiramente refrigerado. Alguns peixes (bacalhau, enguia), frango, vitela, coelho, porco e presunto.

Pinot Noir,Cor viva, aroma pronunciado e variado. Sabor redondo, agradável. Uva usada para grandes vinhos tintos, alguns rosados e também para o champanhe (só o sumo). Carnes de caça, carneiro, galinha-d'angola. Rosado, acompanha bem rosbife, galeto, queijos de massa fresca, frios em geral.

Barbera,Cor e aroma fortes, sabor um pouco áspero, sem muita definição. Massas, carnes cozidas (ensopados), cabrito.

Food,Orange